Vendas

Como o social selling pode ajudar na venda de imóveis?

Como o social selling pode ajudar na venda de imóveis?

Atualmente, é muito difícil encontrar alguém que não tenha acesso à internet por meio de smartphones, tablets ou computadores, não é mesmo? Para acompanhar essa tendência e o dinamismo do mercado, empresas têm investido em processos de vendas mais eficientes e apostado nas redes sociais, e-mails marketing, entre outros itens, como parte da sua estratégia de venda de imóveis e interação com os clientes, tanto existentes quanto potenciais.

Nesse contexto, o social selling tem se destacado no mercado como uma ótima opção para empresas que desejam aumentar a assertividade dos processos de prospecção e impulsionar a sua carteira de clientes.

Quer saber como ele pode te ajudar? Acompanhe nosso post e descubra!

O que é o social selling?

Grande aliado na conversão de leads, criação de novas oportunidades de negócios e concretização de vendas, o social selling é um processo de marketing que consiste na utilização das redes sociais para alavancar o relacionamento com os clientes.

Muito além do benefício financeiro, a técnica tem como objetivo criar e melhorar a reputação, bem como gerar mais credibilidade ao vendedor, corretor de imóveis e à marca da empresa.

Para isso, são coletadas informações pessoais no perfil dos consumidores para a qualificação dos contatos e de suas necessidades, reduzindo os esforços de venda.

Entre as principais redes utilizadas, estão: LinkedIn, Facebook e Twitter. No entanto, engana-se quem pensa que basta postar publicações e deixar o perfil abandonado.

É preciso identificar as necessidades do mercado e do cliente, traçar uma estratégia e tornar o conteúdo atraente para fazer com que o contato seja mais pessoal, humanizado e, claro, significativo.

O social selling é uma excelente solução, também, para manter um relacionamento mais estreito com o cliente após o fechamento da venda, principalmente no sistema imobiliário.

Como o social selling pode ajudar na venda de imóveis?

Uma das grandes vantagens das redes sociais está relacionada ao compartilhamento e troca de informações. Vale lembrar que, quando encontra um conteúdo de qualidade, o cliente tende a recomendar a imobiliária para um ou mais amigos e, ainda, compartilhar posts em suas redes sociais.

Por isso, é preciso investir em bons conteúdos relacionados a imóveis, bairros e, em alguns casos, até mesmo sobre decoração. Para traçar uma estratégia eficaz e aumentar a taxa de conversão, algumas dicas podem ser úteis. Confira:

Objetivos

Antes de traçar estratégias e definir conteúdos, é preciso identificar e determinar o objetivo da ação. Que objetivos você pretende alcançar ao investir em ações de social selling e que tipo de público deseja atingir? Isso ajudará a definir e planejar as tarefas.

Além disso, determinará os tipos de canais utilizados — Facebook, LinkedIn, e-mail marketing, blog imobiliário, entre outros.

Segmentos

Com quem você quer interagir? É preciso identificar as pessoas ou os tipos de grupos com os quais sua empresa almeja estabelecer interações preferenciais.

No mercado imobiliário, por exemplo, a empresa pode estabelecer contatos com pessoas interessadas em alugar apartamentos ou somente com quem procura por prédios comerciais.

Uma boa dica é utilizar filtros (como palavras-chave e frases) nas redes sociais para pesquisar quem está falando sobre imóveis e setor imobiliário em geral. Você pode usar: “imóveis”, “compra e venda de imóveis”, “apartamentos”, “compra e venda de apartamentos” etc.

Com isso, é possível verificar a visão que as pessoas têm do setor, bem como dos serviços e produtos de seus clientes. Capte o maior número de prospects que puder e crie uma lista.

Leads

Com a lista em mãos, separe os leads que são interessantes para o negócio e os que não o são, a fim de garantir uma qualificação mais ampla e eficaz. Isso aumenta as chances de a comunicação atingir o público-alvo.

Relacionamento

O relacionamento deve ser feito de uma forma simples e autêntica. Durante essa etapa, é recomendável que sejam realizados vários contatos, posts e envios de e-mail marketing para garantir a criação de oportunidades.

Resultados

Para garantir a efetividade das ações, as empresas devem mensurar o que foi gerado com base nelas. A realização desses relatórios assegura que os ajustes necessários sejam efetivados para alcançar os objetivos de forma cada vez mais rápida.

Como encaixar o social selling no sistema imobiliário?

Aplicar o social selling no sistema imobiliário é de extrema importância para aumentar as vendas e, principalmente, fidelizar os clientes. O ideal é que as etapas citadas acima sejam seguidas à risca para aumentar as chances de sucesso. No entanto, é preciso segmentar o conteúdo para o mercado em questão.

Nesse contexto, uma boa dica é investir em posts que podem ser de interesse para o seu nicho específico. Por isso, traga temas como:

  • benefícios do bairro ou região do imóvel anunciado;
  • apresentação das principais características e diferenciais competitivos;
  • dicas de compra e venda de casas e apartamentos;
  • dicas sobre tipos de apartamentos;
  • conselhos sobre condomínios, entre outros.

Dessa forma, você cria uma relação mais humana e próxima com o leitor e anuncia o seu serviço de forma sutil.

Além disso, apostar em e-mail marketing para clientes que já compraram ou alugaram um imóvel pode ser interessante para fidelizar e aumentar a credibilidade da marca. Você pode, por exemplo, enviar uma newsletter ou um e-mail com dicas especiais para aquele cliente.

Se ele comprou um apartamento, envie dicas de decoração para sacadas ou de convívio em condomínio. Se ele está interessado em alugar um imóvel, envie dados do setor, que mostram a expansão do poder de compra ou a quantidade de pessoas que estão investindo em aluguel. É interessante também compartilhar outros materiais, como artigos e e-books.

Demonstrar cuidado e preocupação com o cliente e manter esse relacionamento cada vez mais próximo, faz com que ele se lembre da marca em uma próxima compra e, principalmente, recomende o consultor imobiliário ou a empresa em questão para familiares, parentes e amigos.

No pós-venda, envie pesquisa de opinião para saber o que funcionou e o que não deu certo para ele, a fim de melhorar os processos e evitar os mesmos erros no futuro.

O social selling tem revolucionado o mercado em geral. Em suma, ele deve ser aplicado na venda de imóveis para fidelizar clientes e aumentar a carteira, bem como melhorar o posicionamento da marca no mercado.

Viu só como o social selling pode te ajudar a vender mais? Para ficar por dentro de mais novidades do mercado imobiliário, siga-nos nas redes sociais — estamos no Facebook, YouTube, LinkedIn e Twitter!

Gostou do artigo? Então agora que você já entendeu melhor como o social selling pode ajudar na venda de imóveis, que tal criar um site atrativo para impulsionar as suas vendas na rede? Aproveite e conheça o inGaia Imob.
publicidade
Artigos relacionados
Compartilhe