Marketing

como-vender-mais-com-email-marketing-para-corretores-de-imoveis.jpeg

Como vender mais com email marketing para corretores de imóveis?

Já não é mais novidade que o mercado imobiliário se tornou um dos mais concorridos atualmente, principalmente no que diz respeito a ter um bom desempenho como corretor. Por isso, é preciso se diferenciar e elaborar boas estratégias para vender mais.

Outro fato que também não é novo é a ascensão da internet na vida do consumidor. E ela tem demonstrado ser um excelente canal para esse mercado, tanto para atrair clientes quanto para vender para eles. Nesse universo, uma das ferramentas mais importantes é o email marketing para corretores de imóveis.

Assim, é cada vez mais necessário que os profissionais da área busquem utilizar essa poderosa solução para vender mais. Preparamos este conteúdo para que você possa se aprofundar mais no assunto. Acompanhe!

O que é email marketing?

Para quem ainda não sabe, o email marketing é a comunicação via email entre uma empresa e seus clientes. Exemplos de email marketing incluem promoções de lojas, ofertas de passagens, confirmação de compras feitas pela internet, envio de newsletter com as novidades da semana e outros.

Utilizar o email marketing como estratégia é altamente recomendável, pois ele tem alto poder de alcance, é uma ferramenta flexível e pode trazer um ótimo retorno financeiro. Para que um corretor desenvolva uma comunicação interessante via email marketing é preciso que ele tenha uma lista de contatos interessados em receber esse tipo de comunicação.

Um exemplo seria um profissional que está cuidando da venda de apartamentos em um bairro e começa a captar os emails dos interessados em saber quando esses imóveis estarão disponíveis. Nesse caso, é possível desenvolver uma estratégia de email marketing para antes, durante e depois do lançamento.

Como construir a lista de emails?

Você já deve ter entendido que, para que qualquer estratégia de email marketing comece a funcionar, é preciso um ativo importante: a lista de emails ou de contatos (conhecida como mailing list) de pessoas interessadas no assunto. Então, para iniciar o trabalho é necessário montá-la.

Tenha em mente que o primeiro passo é obter as assinaturas das pessoas nessa lista — de forma que essa comunicação não se torne invasiva. Ou seja, é preciso captar contatos que realmente tenham interesse em receber os emails.

Essa ação pode ser feita de diversas formas, desde as redes sociais até o ambiente off-line. Veja, a seguir, uma lista de possibilidades:

  • solicitar permissão via contato telefônico;
  • anotar o email de clientes que fizeram visitas e ficaram interessados;
  • pela sua página (ou da corretora de imóveis) no Facebook;
  • pelo seu site ou da empresa;
  • pelo seu blog ou da imobiliária.

Além disso, se você tiver uma base de emails antiga, pode enviar um comunicado indicando o link de inscrição para a nova mailing list. Apenas tome cuidado com a abordagem e a linguagem utilizada para não parecer que está praticando o envio de spam. Não se esqueça também de remover os contatos que solicitam o descadastramento.

Como vender mais com o email marketing?

Agora que você já sabe como construir a mailing list, é preciso partir para a prática. Veja, a seguir, algumas dicas para vender mais com uma estratégia de email marketing.

Envie bons conteúdos

Tenha em mente que somente é possível ter bom proveito com o email marketing se distribuir bons conteúdos para os leads. Então, preze pela qualidade, tanto na apresentação quanto no conteúdo em si.

As possibilidades são muitas: você pode desde divulgar novos posts do seu blog até mostrar as oportunidades de imóveis que estão a venda, por exemplo. Independentemente do que você tenha a oferecer, porém, o mais importante é enviar material relacionado ao interesse do público-alvo.

Comunique-se com frequência

Um dos segredos para que o email marketing funcione bem é ter uma frequência mínima de comunicação. Afinal, o lead não pode ficar perdido sem saber quando receberá uma comunicação sua. Então, procure se comunicar regularmente com ele.

Tome cuidado, entretanto, para que o intervalo não seja exagerado, nem para mais, nem para menos. Ou seja, se demorar muito tempo, corre-se o risco de ele esquecer de você, mas se demorar pouco tempo, ele pode achar isso chato e marcar como spam. Entenda como essa frequência funciona e coloque a mão na massa!

Cuidado com os erros de português

Uma falha grave no email marketing são os erros de português. Nem é preciso falar que isso tira toda a credibilidade da comunicação, não é mesmo?

Por isso, procure usar sempre o corretor ortográfico para identificar erros. E preze por uma escrita leve e objetiva. Evite ficar com rodeios: vá direto ao ponto!

Personalize o conteúdo

Personalizar o conteúdo é uma ótima maneira de chamar a atenção do destinatário. Isso pode começar com um bom layout, além de utilizar o nome do cliente em alguns componentes do comunicado (como no título e no início do email).

Isso demonstra que você o considera alguém importante e está se dirigindo diretamente a ele. As chances de resposta e conversão são maiores quando se trabalha dessa maneira.

Não se esqueça dos itens essenciais

Por fim, não se esqueça de itens essenciais, como os links e as chamadas para ação (call to action – CTA). Entenda que colocar links no comunicado é importante, pois direciona o destinatário para tomar a ação desejada, como por exemplo, levá-lo para uma oportunidade de compra de imóvel.

Vale, porém, tomar cuidado para que os links não estejam quebrados: afinal, você não quer que o cliente encontre uma página de erro.

Além dos links, é importante fazer bom uso do CTA no fim do email. Lá você pode direcioná-lo para seu blog ou para a página da imobiliária, para curtir a página do Facebook ou até mesmo para entrar em contato com você. O importante é que o email seja finalizado com um direcionamento que leve a esse próximo passo, certo?

Agora que você já sabe como vender mais com email marketing para corretores de imóveis, o que acha de compartilhar conosco o que aprendeu sobre o tema nos comentários do post para enriquecer ainda mais a discussão? Esperamos por você!

publicidade
Artigos relacionados
Compartilhe