Marketing

abstract motion-blurred view from the front of a train in Tokio, Japan

Entendas as diferenças entre tráfego pago e tráfego orgânico

O fluxo de visitantes que chega até o site da sua imobiliária, também conhecido como tráfego, é um dos fatores mais importantes para o sucesso do negócio. A lógica é simples: quanto mais pessoas chegam a ele, maiores são suas oportunidades de venda! Então chegou a hora de procurar saber mais sobre o assunto, começando pelas possíveis fontes para esse fluxo. Aí entram o tráfego orgânico e o tráfego pago.

Neste post, vamos esclarecer as diferenças entre essas 2 fontes de visitantes e como você pode usar cada uma para potencializar seus negócios. Pronto para tirar suas dúvidas? Então acompanhe!

Tráfego pago

Como o próprio nome já sugere, o tráfego pago é aquele que vem de um investimento feito por parte da imobiliária. Nesse caso, você paga para ter um anúncio nos principais motores de busca, nas principais redes sociais, em portais imobiliários e em outros canais de divulgação. Assim, sempre que um internauta clica no seu anúncio e é direcionado para o site da imobiliária, você está adquirindo tráfego pago.

Essa estratégia é ideal para captar clientes que estão mais preparados para a compra ou a locação de um imóvel. Afinal, quem clica em um anúncio provavelmente já sabe o que quer, tendo informações suficientes para se decidir sobre a compra. E é esse contexto que faz do tráfego pago uma excelente fonte de faturamento.

Tráfego orgânico

O tráfego orgânico, por sua vez, é aquele conquistado por meio de uma estratégia de inbound marketing — isto é, sem pagar por um anúncio. Aqui, o cenário é o seguinte: você constrói um site relevante para sua imobiliária, cria bastante conteúdo relevante e útil para seus potenciais consumidores e otimiza esse conteúdo com técnicas de SEO, usadas para posicionar melhor seu site e os anúncios virtuais nos resultados de buscadores web. Com tudo isso, tem tudo para conquistar uma excelente posição nas buscas não pagas!

Ao mesmo tempo em que o site da imobiliária se torna relevante para os usuários de internet, ele vai ganhando reputação junto aos mecanismos de busca, que também o veem como importante. Assim, aos pouquinhos, você vai ganhando posições nos resultados orgânicos (não pagos) até que seu tráfego de visitantes começa a crescer sem a necessidade de fazer publicidade on-line o tempo todo!

Melhor opção

A verdade é que não existe um método melhor para adquirir tráfego para o site da sua imobiliária. Na prática, quanto mais pessoas chegarem até você, mais acelerado será seu funil de vendas — série de etapas pelas quais o cliente passa até concluir sua jornada de compra. O que você deve levar em consideração é seu orçamento de marketing e o custo de aquisição de clientes.

Se o tráfego pago está trazendo muitas oportunidades de vendas a um custo baixo, mantenha seu investimento. Caso o tráfego orgânico também esteja gerando oportunidades de fechamento de negócios, você até pode reduzir os anúncios pagos para economizar! Só não se esqueça que, para ter um tráfego orgânico constante, você precisa combinar uma série de estratégias de marketing digital a fim de manter a relevância do seu site para os mecanismos de busca.

Combinando essas estratégias, o que você ganha é eficiência em vendas!  Confira!

 Aproveitando que você aprendeu qual estratégia é ideal para captar clientes que estão mais preparados para a compra ou a locação de um imóvel, confira o nosso sistema de gestão de locação e tenha tudo que a sua imobiliária precisa para gerenciar contratos e pagamento.

publicidade

Compartilhe