Liderança

O que causa a desmotivação no trabalho das imobiliárias?

O que causa a desmotivação no trabalho das imobiliárias?

A desmotivação no trabalho é um dos principais fatores que geram improdutividade. Em uma imobiliária, tal situação pode acarretar baixa nas vendas, dificuldade para locação dos imóveis, um ambiente desagradável, entre outros problemas.

Para que seja possível reverter esse quadro de desmotivação no trabalho, o gestor da imobiliária, assim como o grupo de corretores, deve ser capaz de identificar o que gera os problemas e quais práticas podem ser adotadas para mudar essa situação.

Quais são as causas de desmotivação no trabalho?

A desmotivação no ambiente da imobiliária pode ser causada por diversos aspectos, desde questões relacionadas à gestão até o cenário econômico do país. Entretanto, algumas situações são recorrentes, sendo importante que o gestor ou líder tenha consciência desses fatores.

Conheça algumas das causas mais frequentes para a falta de motivação na imobiliária:

Falta de vínculo com a imobiliária

É comum que os corretores sejam profissionais autônomos que prestam serviços para uma imobiliária. Em um momento de baixa nas vendas, que afeta diretamente as comissões, unido à instabilidade e falta de segurança para o profissional, o desânimo torna-se quase inevitável.

Para reverter essa situação, a imobiliária deve atentar para o tipo de vínculo empregatício que possui com os colaboradores e para o momento em que isso se torna um empecilho para o seu crescimento.

Burocratização de processos

O corretor é um profissional acostumado a lidar com questões burocráticas relacionadas a compra e aluguel de imóveis, entretanto, quando essa burocracia passa a afetar todos os processos diários do trabalho, a desmotivação pode surgir.

Entre os exemplos de burocracias que podem ser evitadas estão:

  • horários inflexíveis;
  • preenchimento de relatórios frequentes;
  • número excessivo de reuniões;
  • excesso de controle sobre as atividades do profissional;
  • processos enrijecidos.

Desburocratizar algumas questões pode aumentar a disposição do profissional e gerar ganhos diretos para a imobiliária.

Dificuldade nas vendas

A dificuldade em finalizar vendas pode desestimular o profissional que passa a se questionar sobre a própria capacidade ou aptidão para o setor. A situação é comum e pode ocorrer com qualquer corretor, até mesmo devido à influência direta de algum outro fator apresentado neste post.

Quando torna-se evidente que um profissional específico está apresentando dificuldades em fechar negócios, é possível realizar uma conversa honesta com ele para identificar o que está causando tais problemas. Nesse cenário, conhecer as particularidades de cada colaborador é importante para saber quando e como intervir.

No caso da dificuldade afetar mais profissionais, a razão pode ser macroeconômica ou mesmo estar relacionada à gestão da imobiliária, sendo necessário investigar as origens dessas limitações, visando superá-las.

Metas impossíveis

É comum que corretores trabalhem com metas de venda e locação. Por esse motivo, estipular metas enquanto desafios que podem ser superados pelo profissional ajuda a criar um clima de incentivo a novas conquistas.

Por sua vez, metas rígidas e impossíveis desanimam o corretor, pois ele sabe que não depende dele alcançar tais resultados, o que impossibilita ainda o recebimento de bônus e recompensas por um bom desempenho baseado em exigências irreais.

Situação econômica do país

Em um momento de crise econômica generalizada, uma das áreas mais impactadas é o setor imobiliário. Nesse cenário, o corretor sente-se desanimado em desenvolver as atividades, pois sabe que o período está menos propício ao fechamento de bons negócios.

Essa situação não pode ser revertida por uma atuação da própria imobiliária, mas é possível adotar práticas que permitam mudar a forma como os corretores lidam com esse momento, como incentivar cafés e almoços conjuntos e praticar alongamentos durante o expediente, entre outras.

Como motivar a equipe?

Uma vez identificados alguns dos fatores que causam a desmotivação no trabalho, também é importante buscar por alternativas para reverter esses cenários e incentivar os corretores a melhorar os resultados, principalmente se tratando do líder ou gestor da imobiliária.

Invista em capacitação

Uma forma bem comum e eficaz de motivar os corretores é investir na capacitação profissional. Essa preocupação demonstra ao colaborador que a imobiliária está atenta e dedicada ao crescimento dele — o que aumenta a confiança e o desejo de se superar.

Podem ser incentivados e financiados cursos de oratória, palestras, treinamentos, coaching e outros métodos de crescimento profissional.

Utilize novas tecnologias

Muitas atividades diárias do corretor poderiam ser otimizadas e simplificadas com o uso de novas tecnologias que proporcionam suporte às tarefas, assim como automatiza alguns processos.

Uma plataforma para gestão imobiliária, um CRM e outros softwares desburocratizam parte das atividades e fazem com que os corretores possam dedicar mais tempo às tarefas estratégicas de vendas e relacionamento com o cliente.

Atue com recompensas

Em um cenário economicamente instável, a imobiliária pode ter que reduzir os bônus, por exemplo, mas, ainda assim, é possível atuar com recompensas que motivem os colaboradores.

Pode-se recompensar a equipe pela conquista de novos clientes, pelo aumento no fechamento de locações, por uma meta conjunta de vendas, etc. Entre as recompensas é possível dar um dia de folga, brindes, um passeio e outros incentivos mais acessíveis.

Tenha uma gestão transparente

Quando uma equipe acredita que a gestão da empresa está conspirando contra o sucesso de todos, seja para limitar recompensas, privilegiar determinados profissionais ou mesmo excluir os corretores dos resultados obtidos, um clima ruim pode surgir.

A transparência na gestão é um processo importante para que os corretores possam confiar na gestão da imobiliária, o que gera mais segurança, estabilidade e motivação para a equipe alcançar as metas estipuladas.

Nesse sentido, a comunicação interna é uma etapa fundamental, pois um pequeno mal entendido, quando não resolvido, pode gerar um ambiente de atrito, intrigas e mal-estar. Dessa forma, quando um problema surgir, resolva-o com honestidade e transparência.

Seja parceiro

O gestor da imobiliária e os corretores devem caminhar juntos para o sucesso de todos. Quando as metas são estipuladas, e os gestores não participam do processo de construção dos resultados, a equipe se afasta e se desmotiva.

Para ser uma parceria, é necessário que os gestores se envolvam nos processos, buscando soluções para problemas e construindo os resultados em conjunto com a equipe. Reuniões de feedback podem ser uma alternativa para apontar os pontos positivos e negativos do profissional durante um período, por exemplo.

A cooperação é um aspecto importante para que os corretores alcancem os resultados estipulados e cresçam conjuntamente. Assim, a equipe fica mais motivada e evita problemas de improdutividade decorrentes de um ambiente desfavorável.

Um gestor que traz inovações e busca solucionar problemas em vez de trocar membros da equipe se torna mais respeitado entre os profissionais.

A desmotivação no trabalho pode ocorrer no mercado imobiliário assim como em qualquer outro ambiente. Entretanto, é possível identificar as causas do problema e tentar revertê-lo por meio de alternativas que melhorem o ambiente e a realização das tarefas.

Agora que você já sabe o que causa a desmotivação no trabalho das imobiliárias, comece imediatamente a otimizar os processos de gestão com o melhor CRM imobiliário do mercado, o inGaia Imob, e trabalhe de forma digital e lucrativa, trazendo aquela motivação e produtividade de volta para a sua equipe.

Gostou do nosso post e acha que ele pode ajudar amigos e colegas de trabalho? Então, compartilhe-o nas suas redes sociais e motive sua rede de contatos!

publicidade
Black Friday inGaia - R$ 1000,00 de desconto para ter o sistema imobiliário mais completo do mercado
Artigos relacionados
Compartilhe