Mercado

parcerias-no-mercado-imobiliario-como-o-software-ingaia-imob-pode-ajudar.jpeg

Parcerias no mercado imobiliário: como o software inGaia Imob pode ajudar

Com a competitividade aumentando a cada dia, o corretor é obrigado a encontrar novos meios para vencer a concorrência, alavancar as suas vendas e fidelizar o seu cliente. Sendo assim, devido às diversas vantagens proporcionadas, as parcerias no mercado imobiliário estão se tornando cada vez mais comuns.

Por meio dessa estratégia, a imobiliária consegue diversificar e aumentar o seu portfólio, o que possibilita oferecer produtos e serviços que não seriam possíveis de outra forma. Isso resulta em maior competitividade da empresa, além de possibilitar mais oportunidades de negócios.

Contudo, apesar de existirem tantos benefícios, muitos profissionais ainda têm receio de realizar alguma parceria imobiliária, pois é normal que haja certa desconfiança. No entanto, ao aplicar algumas dicas simples é possível formar uma relação “ganha-ganha”, em que cada uma das partes receberá vantagens dessa aliança.

Com a evolução da internet, é possível utilizar a tecnologia para potencializar e agilizar ainda mais as parcerias no mercado imobiliário — e, nesse processo, o inGaia Imob é um poderoso aliado das imobiliárias para implementar essa estratégia.

Por isso, continue a leitura deste artigo e aprenda o que é preciso saber para impulsionar o seu negócio por meio dessa cooperação entre profissionais, além de descobrir como o inGaia Imob pode lhe ajudar nessa estratégia. Vamos começar?

Como funcionam as parcerias no mercado imobiliário

Basicamente, uma parceria no mercado imobiliário ocorre quando duas ou mais imobiliárias e/ou corretores autônomos se unem para a realização de negócios. Dessa forma, caso um profissional não tenha disponível um imóvel que o seu cliente procura, poderá realizar a venda ao oferecer uma unidade existente no portfólio de um parceiro.

Assim, ao fazer parte dessa união, existe uma maior possibilidade de fechar negócios, já que ocorre um aumento considerável da carteira de imóveis e de clientes. Por isso, essa estratégia é ainda mais vantajosa para as pequenas imobiliárias e para os corretores que trabalham sozinhos.

Essa cooperação poderá ocorrer de maneira ocasional, podendo ser válida apenas para a concretização de uma única venda, mas também é possível que esse acordo seja firmado sem um prazo definido de término, no qual as partes se comprometem a trabalhar de maneira duradoura.

Sempre que uma parceria for acertada, é fundamental deixar claro os termos do acordo, sobretudo a forma como ocorrerá a divisão da comissão — vale ressaltar que a maneira mais comum, chamada de fifty, é cada parte ficar com metade dos lucros da venda.

Atualmente, é possível aumentar a abrangência de seu portfólio utilizando a internet. Por meio de grupos, como a Comunidade inGaia, é possível ter acesso a milhares de unidades existentes na carteira dos usuários que fazem parte dessa plataforma.

De mesma forma, é possível impulsionar as vendas de seus imóveis ao divulgá-los nessa rede, uma vez que, como serão visualizados por todos os usuários do sistema, possivelmente outro profissional ou empresa poderão ter contato com algum cliente que se interesse por essas unidades.

As vantagens que uma parceria no mercado imobiliário pode trazer

Para se manter competitivo no mercado de imóveis, muitas imobiliárias e corretores independentes se unem com o objetivo de diminuir custos e fechar mais vendas. Contudo, esses não são os únicos benefícios que uma parceria no mercado imobiliário pode proporcionar.

É bom lembrar que, para que essa união possa ocorrer, é importante que todas as partes do acordo consigam bons ganhos. Como a divisão da comissão normalmente é feita de maneira igualitária, é preciso de vários fatores que viabilizem essa associação.

Assim, para o profissional ou a empresa que esteja negociando diretamente com o cliente, principal benefício é ter à sua disposição um portfólio maior para oferecer. Dessa forma, aumentam-se as chances de ser ofertada ao consumidor uma unidade que tenha todas as características que ele deseja.

Isso ajuda a fidelizar o consumidor, pois, mesmo que procure por um imóvel que não se tenha na carteira, o corretor ou a imobiliária terão uma unidade para apresentar a ele. Desse modo, e ao fazer um bom atendimento, este cliente se manterá fiel ao profissional, sempre o procurando quando precisar ou indicando a seus conhecidos.

Agora, para a parte que possui o imóvel, a principal vantagem é a maior exposição de seu portfólio, já que os parceiros também têm interesse em divulgá-lo. Com isso, há uma maior probabilidade de que essa unidade seja negociada mais rapidamente, sem que para isso seja necessário aumentar os custos de marketing.

Assim, de maneira geral, ocorrerá o aumento das possibilidades de negócios, fazendo com que cada parte da parceria consiga atender o seu cliente de maneira mais ágil, resultando em um aumento na satisfação dos serviços oferecidos.

Além dos benefícios comerciais, uma parceria proporciona a troca de experiências entre profissionais e empresas do mercado imobiliário, já que com o acordo é possível formar uma relação de confiança, que permite descobrir soluções para problemas pelos quais se esteja passando ou, ainda, pedir uma opinião.

Conheça as possibilidades de parceria

Como o mercado imobiliário é bastante amplo, é comum existirem corretores e até mesmo imobiliárias que se especializaram em determinado nicho, comercializando apenas um tipo de imóvel. Assim, uma boa estratégia é firmar parcerias que complementem a atuação da empresa ou do profissional autônomo.

Imagine a seguinte situação: supõe-se que um corretor especializado em vendas de residências tenha negociado um apartamento com um advogado. Tempo depois, esse cliente o procurará com o interesse de alugar uma sala comercial melhor localizada para aumentar a qualidade de seu escritório.

Nessa situação, caso esse profissional não faça parte de uma parceria, existe sério risco de não contar com a unidade desejada em seu portfólio e, consequentemente, não conseguir atender esse consumidor. Assim, para satisfazer a sua necessidade, o cliente procurará um concorrente.

Agora, caso o corretor tenha parceiros que trabalham com imóveis comerciais, existe uma grande probabilidade de encontrar uma unidade que satisfaça esse cliente. Portanto, será possível concretizar um negócio que não seria viável de outra maneira, além de manter o cliente satisfeito.

Também é possível formar parcerias com profissionais ou empresas que atuam em um mesmo nicho de mercado. A vantagem desse acordo é impulsionar as vendas de imóveis, pois nem sempre a imobiliária que captou o cliente tem acesso ao imóvel ideal para ele.

Outra união bastante vantajosa é entre imobiliárias e corretores autônomos, uma vez que o profissional independente poderá se beneficiar da estrutura completa que a corretora possui — como infraestrutura física, campanhas publicitárias e assessoria jurídica. Enquanto isso, a empresa recebe a vantagem de não ter que contratar vendedores para fazer o atendimento ao cliente e fechar negociações.

Para ampliar ainda mais a sua carteira de imóveis, é possível formar parcerias com construtoras e incorporadoras. Essa é uma ótima oportunidade para corretores autônomos, visto que essas empresas investem pesado para criar um ambiente propício para negociar as suas unidades remanescentes.

3 dicas para vender mais com parcerias imobiliárias

Em vista de tantas oportunidades e vantagens — sendo a principal o aumento na competitividade e no número de vendas da empresa e do profissional —, as parcerias imobiliárias têm se tornado uma tendência no mercado. Isso pode ser provado ao observar a constante formação de novas redes imobiliárias.

No entanto, para alcançar o resultado esperado, não basta apenas se filiar a uma rede ou formar uma parceria. É preciso agir e fazer com que esse acordo funcione, pois deverá ser benéfico para ambas as partes.

Afinal, se você apenas esperar que o seu associado lhe ofereça vantagens, existe sério risco de que esse acordo não traga os benefícios esperados. Por isso, listamos 3 dicas úteis que lhe auxiliarão vender mais com parcerias. Confira:

1. Lembre-se do alinhamento estratégico

Apesar de ser possível formar parcerias com diversas empresas ou profissionais, é preciso selecionar com cautela com quem você vai formalizar uma associação. Para isso, priorize parceiros que tenham uma filosofia de trabalho e uma visão do cliente semelhante às suas.

Dessa forma, a imobiliária consegue selecionar corretores autônomos que estão alinhados à sua estratégia de negócios, possibilitando um atendimento ao cliente dentro do padrão esperado pela empresa.

Outro ponto interessante é ter bom conhecimento sobre o público-alvo da imobiliária. Desse modo, é possível ter uma visão clara do que o cliente procura, permitindo à empresa formalizar parcerias que complementem o que é realizado em seu serviço.

2. Aplique o gatilho mental da reciprocidade

Você sabia que, para evitar o esgotamento, o cérebro humano realiza diversas decisões de maneira automática? E, apesar disso, ainda é possível utilizar algumas estratégias para fazer com que seu interlocutor realize com mais facilidade ações que você queira? Isso é possível ao utilizar os gatilhos mentais, que auxiliam o cérebro a efetuar uma escolha ou exercer uma atitude.

Existem diversos gatilhos, sendo que muitos são utilizados em estratégias de vendas e no marketing. Dentre eles, destaca-se o gatilho mental da reciprocidade, exemplificado pela expressão: “é dando que se recebe”!

Basicamente, ao realizar uma ação para alguém, essa pessoa se sentirá em dívida. Dessa maneira, se sentirá obrigada a lhe retribuir de alguma forma. Assim, ao oferecer oportunidades de negócios a outros corretores ou imobiliárias, existirá maior probabilidade de que você receba o mesmo.

3. Use a tecnologia a seu favor

Em tempos em que tudo está conectado, é essencial utilizar a Internet para encontrar novas oportunidades de negócio. Existem sistemas especializados, como o inGaia Imob, que têm como objetivo aproximar diversos profissionais e empresas para formarem parcerias.

Dessa forma, cria-se uma poderosa rede de contatos, na qual cada participante cadastra as unidades existentes em seus portfólios. Assim, caso alguém precise encontrar um imóvel que não tenha em sua carteira, existe grande possibilidade de que seja encontrado nessa comunidade.

Com isso, o atendimento é agilizado, assim resultando em uma maior satisfação do cliente, já que não perdeu muito de seu tempo para ter a sua necessidade atendida.

Como usar a tecnologia para encontrar mais parceiros

Sem nenhuma dúvida, a tecnologia é uma grande aliada das imobiliárias na hora de realizar parecerias. Afinal, ao utilizar um software imobiliário, como o inGaia Imob, ganha-se agilidade e segurança no atendimento ao cliente.

É bom saber que o Imob oferece uma estrutura completa para formar parcerias no mercado imobiliário, já que é integrado à Comunidade inGaia. Nela, estão associadas aproximadamente mais de 5.000 imobiliárias, 30.000 corretores e 46 redes imobiliárias, o que possibilita incontáveis oportunidades de negócios.

É bom lembrar que uma rede imobiliária funciona quando diversas imobiliárias se unem com o objetivo de formar parcerias para aumentar a sua competitividade e melhorar o seu serviço. Esses grupos têm regras próprias, que fortalecem a relação entre os participantes.

Sendo assim, com essa plataforma é possível fazer parte de uma importante rede de contatos. No entanto, lembre-se: no contexto do mercado imobiliário, uma parceria funciona como uma sociedade. Por isso é importante conhecer bem os profissionais com quem se está associando.

Esse software foi desenvolvido para ser a única plataforma que uma imobiliária precisa para gerenciar o relacionamento com seus consumidores. Nele, existe uma ferramenta de CRM especializada no mercado imobiliário, que oferece diversos recursos que automatizam os processos do cotidiano, deixando o atendimento ao cliente mais profissional e ágil.

Dessa forma, com o CRM imobiliário do inGaia Imob, o cruzamento automático dos imóveis existentes na comunidade com as necessidades do cliente é possibilitado. Essa funcionalidade trabalha como se fosse um radar de oportunidades, apresentando ao usuário da plataforma as diversas unidades existentes na região que atende o desejo de seu consumidor, assim como quem — empresa ou autônomo — as representa.

Caso a imobiliária se interesse por alguma propriedade, poderá entrar em contato com o responsável por ela por meio do SmartChat. Essa ferramenta de comunicação permite que os interessados se comuniquem em tempo real dentro do sistema para formalizar e negociar parcerias.

Outra funcionalidade do inGaia Imob é a sua integração com o estoque das principais incorporadoras do país. Assim, será possível se unir a grandes empresas para oferecer a seus clientes uma unidade nova, que atenda às suas demandas.

3 formas de firmar mais parceiros com apoio de um software imobiliário

Já não é segredo que, para ganhar escala, corretores autônomos e imobiliárias precisam utilizar ferramentas de gestão, como um software imobiliário ou uma plataforma de CRM. No entanto, existem algumas opções no mercado, como o inGaia Imob e o inGaia Corretor, que conseguem integrar tudo que se precisa em um só lugar.

Assim, além de fornecer soluções que melhorarão o atendimento ao cliente e possibilitar a integração com os principais portais imobiliários, os softwares de gestão imobiliária também fazem com que seus usuários interajam e formem parcerias entre si.

Portanto, listamos abaixo 3 maneiras de firmar mais parcerias usando um software imobiliário. Acompanhe:

1. Usando um CRM imobiliário

Conceitualmente, o CRM — Customer Relationship Management ou Gestão do Relacionamento com o Cliente, em português — é um conjunto de estratégias, tecnologias e práticas que coloca o foco dos processos de negócio no cliente. Com isso, é possível fazer um melhor atendimento, permitindo que se perceba e antecipe as necessidades do consumidor.

Devido aos seus benefícios, essa abordagem é aplicada desde microempresas e startups até nas gigantes multinacionais. Sendo assim, ao trazer essa metodologia para seus negócios, a imobiliária consegue diversos ganhos.

Ao utilizar uma ferramenta de CRM integrada a um software imobiliário, como o inGaia Imob, é possível que o sistema encontre, de maneira automática, o imóvel ideal para determinado consumidor. Desse modo, caso haja interesse, será possível que os dois usuários formem uma parceria para realizar essa negociação.

2. Comercializando o estoque das grandes incorporadoras

Dentre os diversos tipos de parcerias que podem ser feitas no mercado imobiliário, é possível obter bons lucros ao se juntar a uma incorporadora. Ao realizar um lançamento de um empreendimento, essas empresas investem pesado em campanhas publicitárias, em estandes de vendas e em imóveis decorados.

Dessa forma, disponibilizam aos seus corretores parceiros uma estrutura completa para que possam realizar vendas. No entanto, passada a fase de lançamento, é comum que ainda existam algumas unidades no estoque.

Para conseguir negociar esses imóveis remanescentes, será preciso que a imobiliária tenha uma parceria com a construtora. No entanto, caso seja usuária do inGaia Imob, essas unidades são ofertadas diretamente na plataforma, assim criando ainda mais oportunidades de negócio.

3. Fazendo parte de uma comunidade gigante

Nada adiantaria um software de gestão imobiliária oferecer inúmeras funções que facilitam a formação de parcerias se não contar com uma comunidade com milhares de profissionais para realizar esses acordos, certo? Conforme já foi dito, a Comunidade inGaia tem milhares de usuários, que disponibilizam diversas oportunidades de negócios, para vários tipos de perfis.

Dessa forma, o usuário do inGaia Imob consegue usufruir de uma infinidade de imóveis, sendo que muitos são ofertados em sua área de atuação. Com isso, ao encontrar uma unidade que atenda às demandas de seu cliente, basta a imobiliária entrar em contato com o responsável pelo imóvel para propor uma parceria.

Cuidados que devem ser tomados na hora de fechar uma parceria

Apesar de conhecerem as vantagens das parcerias no mercado imobiliário, ainda existem alguns corretores ou imobiliárias receosos de firmarem esse acordo, uma vez que, além de ter que dividir as comissões, nem sempre é fácil encontrar um parceiro que seja comprometido e engajado com o grupo.

Entretanto, com algumas dicas simples, é possível selecionar melhor o profissional ou a empresa para firmar um acordo de cooperação. Dessa forma, aumenta-se a probabilidade de que essa união seja feita com mais segurança, com pessoas sérias e que se alcance o resultado almejado. Assim, separamos alguns cuidados que lhe auxiliarão a escolher melhor um parceiro:

Antes de aceitar um acordo, conheça bem o seu futuro parceiro

Imagine que você pretende fundar uma imobiliária, mas, para que seja viável, será preciso encontrar um sócio. Você não escolherá qualquer pessoa para essa empreitada, não é mesmo? Afinal, são tantas responsabilidades que, se escolher alguém não comprometido com a empresa, existem sérios riscos de ela não ter futuro.

Com uma parceria ocorre a mesma situação. É necessário ser bastante seletivo para propor um acordo com alguém e, para isso, é preciso que essa empresa ou profissional tenham objetivos semelhantes aos seus e boas referências. Além disso, você deve verificar se há fatos que comprometem a credibilidade desse possível parceiro.

Assim, será possível construir uma relação de confiança, fundamental para o sucesso e longevidade do acordo.

Sempre aja de maneira transparente

Para que possa existir uma relação de confiança com o seu parceiro ou, até mesmo, com os seus clientes, é preciso que você aja de maneira transparente. Assim, é possível evitar prováveis aborrecimentos que poderão comprometer a sua credibilidade.

Ao negociar o imóvel de um associado, é fundamental que o cliente seja informado. Com isso, saberá que o atendimento será compartilhado com outro corretor, dando-lhe mais segurança, já que mais uma pessoa está disponível para atendê-lo.

Para que o parceiro se comprometa com a parceria, é preciso que esteja informado do que ocorre na negociação. Assim, existe grande possibilidade de que ele aja da mesma forma e, caso precise te substituir em algum momento, será mais fácil concluir a negociação.

Antes de formar uma parceria, deixe clara a divisão das comissões

Para evitar futuros mal-entendidos, sempre que for formar uma parceria, é recomendado registrar por escrito como será a divisão das comissões. Apesar de não existir uma regulamentação que defina como será essa repartição, normalmente é praticado no mercado uma partilha igualitária, em que cada parte recebe 50% (fifty-fifty) dos ganhos.

Mesmo que entre uma terceira pessoa na negociação, é necessário que exista um acordo prévio sobre como ocorrerá a divisão das comissões.

De qualquer forma, é possível perceber que fazer parcerias no mercado imobiliário é algo extremamente positivo e que poderá gerar bons lucros. Para potencializar esses ganhos, uma boa dica é utilizar a tecnologia a seu favor, sendo o inGaia Imob a melhor opção existente no mercado.

Ficou interessado pelas diversas funcionalidades que esse software imobiliário oferece? Entre em contato conosco e um de nossos consultores vai lhe ajudar a fazer ótimas parcerias usando o inGaia Imob.

publicidade
Artigos relacionados
Compartilhe